O Céu Noturno em Minha Mente, de Sarah Hammond

21 abril 2016

O Céu Noturno em Minha Mente

Autora: Sarah Hammond
Editora: Galera Record
Número de Páginas: 286
Gênero: Drama, Mistério

Sinopse: Mikey Baxter tem 14 anos, mas muitas coisas o diferenciam dos outros garotos da sua idade. Para começar, o pai está na prisão e a mãe se recusa a falar sobre o assunto. Ele sabe que, de alguma forma, isso está ligado à cicatriz em sua cabeça e ao fato de ele parecer ter mais dificuldade em entender certos assuntos do que os outros. Quando um misterioso assassinato ocorre em sua cidade e Mikey é o primeiro a chegar à cena do crime, ele não sabe o que pensar. O que o levou até ali? Quem teria matado o morador de rua da cidade, que parecia nunca ter feito mal a ninguém? E quem era o homem caipira que estava nos arredores?



Mikey Baxter é um garoto de 14 anos que tem uma vida bastante conturbada. Primeiro, seu pai está preso há muitos anos, então ele vive apenas com sua mãe que nunca toca no assunto sobre o pai. Segundo, ele tem uma cicatriz na cabeça que foi resultado de um acidente de quando ele era muito novo, a qual ele imagina que tem haver com a prisão do pai, e o deixou com uma certa dificuldade para o entendimento. Terceiro, essa cicatriz em sua cabeça deu resultado à certas visões que Mikey tem de vez em quando, são flashbacks que acontece quando ele está em um lugar específico e ele consegue ver o passado de muitas pessoas, então ele deu o nome de "Para trás" a esse fenômeno.

Por conta dessas visões de Mikey, ele acabou chegando na cena de um assassinato que ocorreu na cidade. Agora, Mikey precisa desvendar o mistério da morte de um morador de rua e investigar o passado do seu pai, no qual ele tem certeza que saiu da prisão e está perambulando pela cidade.


O céu noturno em minha mente é um livro com uma carga emocional extremamente forte. Já começa pelo fato de Mikey ter dificuldade para entender as coisas ao seu redor, devido ao acidente que ele sofreu há alguns anos. Então, Mikey é muito inocente e não vê maldade nas pessoas, nem mesmo nos garotos que ficam o tempo todo zombando dele. Ele enxerga o mundo com muita bondade e sem más intenções, ele não tem aquela malícia que todo ser humano acaba criando no decorrer do tempo. Tem também o fato do pai estar preso e eles não terem nenhum tipo de contato, sua mãe sempre começa a chorar quando tocam no assunto, e Mikey tenta ser forte em relação a tudo isso e dar um conforto para a mãe.

Além de ser um livro forte e triste, ele também tem um mistério e um suspense muito bom. Eu particularmente adoro um bom suspense, e fiquei super envolvida com a trama. Eu entrei junto com Mikey e fiquei tentando desvendar todo aquele mistério do assassinato, imaginando hipóteses de quem seria a maior suspeita.

Apesar de Mikey ter essa vida conturbada, ele é um menino muito forte. Ele tem essas visões que nem sempre são felizes, muitas vezes trazem lembranças tristes e que Mikey não gostaria de relembrar. Por isso, ele aprendeu a controlar o Para Trás e perceber quando ele terá visões boas ou ruins. Por isso acredito que essa é uma leitura obrigatória para quem gosta de um bom livro juvenil, com uma carga emocional forte e um bom mistério envolvido.

19 comentários

  1. Olá, tudo bem com você?
    Nossa, eu não conhecia essa obra mas já achei bem bacana. Gosto de livros com protagonistas crianças. E esse daí parece ser muito bom. Esse mistério em volta d o que o garoto tem e o porquê do pai dele está preso. Me deixou bem empolgado para saber mais do livorm Adorie a sua resenha, até mais vê
    Bjsk

    ResponderExcluir
  2. Eu já conhecia esse título, mas acredito que essa é a primeira resenha que leio sobre ele, sem contar que nem tinha lido a sinopse ainda. Pelo que li, parece ser uma leitura bem interessante e eu fiquei completamente apaixonada pela sutileza dessa capa. É legal saber que apesar de ser considerado juvenil, comporta elementos marcantes, como o suspense e algumas cenas tristes. Espero mesmo ter a oportunidade de ler.
    Boas leituras sempre!
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  3. Oii,

    Ual, que livro lindo, amo essas tramas que são fortes. Seria muito bom as pessoas terem essa inocência de vez em quando, fiquei com pena de Mikey, e também muito curiosa pra saber mais do pai dele... Esses livros cheios de suspense e mistério são ótimos. rsrs

    beijos
    http://apaixonadaporleiturass.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oie, o fato de ser livro juvenil não me chamaria atenção, mas como você disse que o personagem tem uma inocência e o livro tem uma carga dramática pesada eu já fico querendo ler. O fato de ter um suspense também me chama atenção e quero muito saber o que aconteceu com ele e com o pai. Ainda não tinha ouvido falar dessa obra mas já foi para a lista de futuras leituras.

    ResponderExcluir
  5. Oie!
    Eu vi o lançamento do livro, mas não sabia que tinha uma história assim tão delicada. Gostei dessa capa escolhida, e fiquei a imaginar tudo o que o jovem vai passar com essa visão diferente que tem do mundo. Uma ótima dica!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  6. Olá Kétrin,
    Mikey parece ser um personagem muito bem construído e forte, como você disse. Achei a premissa do livro bem interessante, apesar de ter ficado um pouco receosa sobre a cicatriz.
    É legal o suspense e mistério do ponto de vista de uma criança. Quero saber o que acontece no desenrolar da história e como o Mikey lida com esse 'dom'.
    Adorei sua resenha e já anotei a dica.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  7. Oi, achei a premissa bem interessante e gostei da sua resenha, que traz elementos triviais da trama e por ser um livro com uma carga emocional forte e pesado, acho que fica mais interessante, ainda por cima, que tem misterio e suspense, duas coisas que gosto muito e achei trama bem desenvolvida e com certeza leria.
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Oi Kétrin, tudo bem?
    Terminei a leitura desse livro essa semana e para mim ele foi uma decepção!
    A leitura pra mim não fluiu, mesmos sendo um livro curto eu me arrastei por dias nessa leitura e sinceramente não via a hora de terminar.
    O fato do Mikey ser inocente demais me irritou demais, nossa!
    Adoro livros com suspense e mistério e achei o mistério desse bem fraquinho, mesmo sendo um juvenil.
    Gostei de ver sua opinião que é totalmente contrária a minha, vai ver que eu é que não estava em um bom momento para essa leitura.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  9. NOssa, eu ainda não conhecia o livro e pela capa eu achei que fosse algo jovem e levinho, estava enganada. Gostei do enredo e fiquei curiosa com essa trama, parece ser mesmo uma leitura carregada com fortes emoções.

    ResponderExcluir
  10. A capa engana o leitor, haha. Por mais que seja juvenil, pelo que você disse, o livro é bem intenso. Estou curiosa pra saber que mistérios são esses e entender melhor essa mente conturbada do Mikey. A premissa é ótima e pelas coisas que você disse, eu com certeza vou adorar. Ótima resenha!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  11. Fiz minha resenha da obra ontem, mas ainda não postei. Sabe quando você gosta e não gosta? Foi o que senti com a leitura. Achei confuso, mas ao mesmo tempo achei que a narrativa combinou com o personagem. Ai, não sei. Não foi uma leitura que eu me agradei 100%. :/
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  12. Oi ! Não conhecia esse título, mas a resenha ficou muito boa e a estória parece cheia de mistério e drama, amo livros assim ! Vou adicionar a minha lista de leitura. Beijos
    Umparadoxoliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Não conhecia o livro e achei bem diferente a história, também adro um mistério e estou interessada em desvendar junto com Mikey. Irei adicionar na lista de desejados rs' que só aumenta!

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  14. Legal saber que o livro é carregado de emoção e ainda temos um suspense junto. Adorei a resenha e fiquei com vontade de ler. Galera Record é fantástica.
    http://revelandosentimentos.blogspot.com - Top Comentarista. 2 livros para o vencedor. Participe.

    ResponderExcluir
  15. Estou com esse livro aqui para ler, eu nem tinha lido a sinopse ainda para ser surpreendida, mas lendo sua resenha percebi que fiz a escolha certa, pois o livro contém uma premissa muuuito linda.
    E cara, livros sobre crianças sempre é tocante quando mais uma criança com uma vida tão conturbada assim.
    Fiquei ainda mais feliz em saber que o livro é triste e ainda tem um mistério e suspense. Acho que não tem como ficar melhor, vou ver se inicio a leitura do meu essa semana <3

    ResponderExcluir
  16. Oi!!

    Não recordo de ter lido algo sobre esse livro nos blogs que visito, entretanto o livro me atraiu não por ser juvenil, mas para tentar entender essa mente tão complexa que vê pureza em tudo e tem dificuldade em assimilar algumas coisas. A carga sobrenatural também acrescenta mais curiosidade, vou adicionar na minha lista que só cresce. Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem?
    Eu simplesmente adoro juvenis e quando vi esse livro fiquei apaixonada, então fui ler e me vi completamente conquistada. É um livro com grande carga emocional mesmo, muitas vezes me vi com o coração apertado por causa de Mikey e ele é um garoto tão inocente para viver tudo isso, né? Mas sempre forte. Enfim, essa foi uma das minhas leituras favoritas tanto desse ano quanto de sempre kkk

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  18. Olá... tudo bem minha flor...
    A Galera, tem o costume de trazer livros juvenis muito bons... e eu curto ler alguns... esse me chamou atenção pelo mistério da mente do garoto, embora ele tenha dificuldade de entendimento, essa visões devem mexer e muito com a cabeça dele, parece que a relação com a mãe não deve ser das melhores e eu desconfio que esse mendigo seja o pai dele rs.... enfim, eu curti muito a premissa... xero!

    ResponderExcluir
  19. Oi, tudo bom?
    Gosto muito de livros juvenis, me tira das ressacas literárias lindamente. Mas por ser um livro com grande carga emocional, não me vejo lendo-o tão já. Mas quem sabe não leia em breve? Espero gostar tanto quanto você.

    Beijos, Rob

    ResponderExcluir