Resenha: Soldier - Leal até o Fim, de Sam Angus

24 agosto 2015


Soldier - Leal até o Fim  |  Sam Angus  |  251 Páginas  |  Editora Novo Conceito

 Stanley é um garoto de 14 anos que perdeu a mãe recentemente e vive apenas com seu pai, que ele chama de Da, e seu irmão mais velho, Tom que se alistou para o exército e lá está servindo. Em meados da primeira guerra mundial as pessoas eram obrigadas a pagar licença para ter cachorros, a família tem a Rocket, uma cadela de sangue puro. Certo dia, Rocket foge e quando volta está prenha, Da se recusa a aceitar os filhotes mestiços e ameaça que irá doar todos para os ciganos. Stanley promete que irá cuidar dos filhotes mas isso não é o suficiente para convencer Da a ficar com eles, Stanley acaba criando um afeto diferente com o único macho da ninhada e acaba dando o nome a ele de Soldier, em homenagem ao seu irmão, Stanley se recusa a doá-lo.

Quando chega o dia de doar os filhotes, o líder dos ciganos se recusa a ficar com Soldier após ver a afeição de Stanley com o filhote, Da é obrigado a levar Soldier de volta para casa, mas ele ameaça que irá afogar o filhote. Ainda inconformado com a situação, Da pega o filhote escondido de Stanley e o leva para o lago onde ele irá fazer o que prometeu, afogar o cachorro. Quando Stanley percebe o que está acontecendo já é tarde demais, ele promete que nunca irá perdoar o pai pela tamanha brutalidade e foge de casa.

Seu destino é encontrar seu irmão Tom e sabendo que ele está servindo na guerra, Stanley não perde tempo e vai se alistar no exército. Com alguns desfarces ele consegue aumentar sua idade convencer as pessoas. Chegando lá, Stanley descobre que eles estão recrutando cachorros para treiná-los para levar mensagens importantes entre as Companhias, ele não pensa duas vezes e se alista para ser um treinador de cachorros. Mas o que Stanley não sabia era que o destino prega peças, e ele irá se surpreender.


Soldier - Leal até o Fim é um livro extremamente emocionante, além dele se passar na primeira guerra mundial onde é possível o leitor entender um pouco do que aconteceu, ele trata desse assunto de amizade e companheirismo entre um cachorro e um menino. Eu particularmente sou muito sensível quando o assunto é cachorro, então foi muito fácil eu me apaixonar por essa história e pelos personagens.

Stanley é um garoto forte e determinado, apesar de sua pouca idade, não o impediu de fazer o que ele queria. Eu pude entender o seu sentimento de perda e a dor no coração quando seu pai quis se livrar de Soldier, seu companheiro. Quando ele virou um adestrador de cães, ele estava fazendo o que queria e o que gostava, sua maior paixão era os cachorros e ele criou um elo inexplicável com cada um deles. 

A narrativa do livro é muito fluida, eu li em pouquíssimo tempo e não queria largar até descobrir o final, que me deixou com um sorriso no rosto. O livro é perfeito principalmente para todos os amantes de cachorros, com ele é possível perceber o amor que os cães sentem pelos seus donos, é um amor inexplicável e sincero capaz de emocionar qualquer pessoa.

46 comentários

  1. :D Gosto muito de leitura fluida, assim não me dá sono e eu consigo ler mais págs em menos tempo. :p
    Já escutei falar desse livro! Tenho vontade de ler ele e vamos ver o que irei achar.

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
  2. Oi Kétrin!

    Eu também sou muito sensível e quando o assunto é história com bichos, tento evitar. Não porque eu não goste, mas sempre me sinto muito mal depois. Ainda mais porque a maioria dessas histórias não têm um final muito feliz. Já li Soldier, também achei a narrativa muito fluida, mas ainda assim não consegui me conectar 100% com a história. Mas é um livro válido mesmo para quem gosta de cães.

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com/

    ResponderExcluir
  3. nunca tinha lido um livro assim sobre guerra e cachorros mas achei interessante que ele se apegou ao unico filhote macho na ninhada.
    ele deu os outro embora?

    ResponderExcluir
  4. Oie tudo bom?
    Livro sobre cachorro é um codinome pra livro pra te fazer sofrer? Porque olha...
    Ai eu quero ler, mas sei que vou ficar deprimido kkk

    Beijos

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. SOLDIER <3 eu estava louca pra ele mas poxa ler sobre bichinhos que passam por algo ruim não consigo kkk.

    ResponderExcluir
  6. OI Ketrin!!
    Esse livro é lindo! Já li, mas não tenho capacidade de escrever sobre ele ainda, chorei demais e ai já viu, preciso me recuperar antes de ler ou escrever qualquer coisa sobre ele. Certeza que ele vai ganhar um coração de favorito, é lindo demais. NC sempre arrasando nos lançamentos!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  7. Me emociono fácil quando o assunto é animais, certeza que vou ficar triste lendo isso, heheh
    bjs
    http://poyozodance.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. O livro deve ser maravilhoso, gostei da sua resenha e de verdade? Pretendo comprar, mas não agora, pois estou cheia de leituras atrasadas. :(

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    A cada resenha que leio, mais me interesso pela história. Acredito que o livro vai me conquistar tanto por ter cachorro (meu ponto fraco) quanto por abordar um pouco a guerra.
    Ótima resenha!
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
  10. Amiga tenho que confessar que gostei do livro também.
    Achei lindo o trabalho que os cães realizavam na guerra, mas ele não funcionou comigo sabia?
    Eu não sei, mas eu acho que por não estar acostumada a ler livros do gênero, eu não consegui me envolver como eu gostaria. Eu gostei, mas só isso sabe? Não entrou para os meus favoritos, mas achei um livro bom para quem gosta do tema sobre guerra e tudo mais.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/08/resenha-vale-das-borboletas.html

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Apesar de adorar cachorrinhos, não curto livros que se passam em períodos de guerras, então essa é uma dica que vou deixar passar.
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Ai, meu Deus! Assumi que lerei esse livro, mesmo sabendo que vou me acabar de chorar (rs). Nunca pensei que abordariam o contexto dos cães de guerra. Aliás, nunca pensei que os cães tivessem um papel tão importante nesse cenário caótico... Acredito que a guerra tire do homem o que ele tem de melhor.

    Beijos!
    http://myqueenside.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Eu nunca li nada do tipo, mas achei esse livro de uma fofura sem tamanho. Acho que vou compra-lo pra ele entrar em algum quesito da minha próxima maratona literária. Parabéns pela resenha.

    ps.: Seu blog é lindo!

    ResponderExcluir
  14. Oie! Tudo bem?

    Eu amo animais! Mas, apesar de amá-los, não curto muito livros que tenham eles como temática. Sério... Não sei o que acontece comigo =/ Sempre largo o livro no meio. Gostei muito de sua resenha, mostrou sua opinião de forma pertinente. Mas ainda assim, passo a dica.

    Beijos,

    Juliana Garcez | Livros e Flores

    ResponderExcluir
  15. Oi Kétrin, tudo bem?
    Esse livro parece ser tão fofinho *--* Tá certo que se tratando de animais sempre fico com um pé atrás, depois de Marley e Eu fiquei muito traumatizada e fico meio assim de ler esses livros <3 Eu sou do tipo de chora por tudo, então já pode imaginar o que pode acontecer, né? hahaha Mas curti a temática do livro e achei muito interessante, se não fosse pelo fato de que iria chorar horrores, eu leria sim haha <3
    Beijos,
    Juliana Skwara
    http://julianaskwara.com/

    ResponderExcluir
  16. Oi, Kétrin!
    Vi tanta gente falando bem desse livro, mas ele não me despertou interesse, sabe? Não sei, talvez não seja o momento mais oportuno para isso, mas fico muito contente que você tenha gostado tanto. É um impulsionador para eu não desistir da leitura.

    ResponderExcluir
  17. Nunca li nada com cachorros no primeiro plano da história. Recentemente comprei Marley e Eu em um sebo perto de casa. Sua resenha me encantou, eu quero!
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Livro de cachorro sempre é tudo de bom ♥ Adorei a sua resenha, fiquei curiosa, e a capa é tão fofa *u*
    Beijos!

    www.imperfeitaas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Olá, tudo bem?
    Guria, esse livro é totalmente diferente do que eu havia imaginado pela capa!
    Eu não sou muito fã de animais domésticos, não gosto de tê-los em casa, mas não judio e não gosto que judiem. Só de saber que um foi afogado, já fico deprimida.
    O livro parece ser ótimo, mas evito livros tristes.
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  20. Olá!
    Deixa eu confessar que li a sua resenha com um olho fechado de medo do que você falaria do cachorro. Eles são meu ponto fraco, quase morro de tanto chorar em um filme que um morre ou sofre. Apesar de ter me interessado, só vou ler o livro se tiver certeza que o cachorro fica bem no final haha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  21. Ja me interessei por ser um livro que se passa durante a primeira guerra mundial pois é um tema que gosto muito e por ter cachorro envolvido então ,foi tipo amor a primeira vista e estou Louca para conhecer o Stanley , também gosto de livros em que a narrativa é fluida , pois acho que a leitura me prende e só consigo parar depois de conclui-lo , adorei este livro e entrara para minha lista
    Bjos

    ResponderExcluir
  22. Ooi,
    Livros e filmes de cachorro são os piores! Ahaha eu sempre sofro muito com a vida desses bichinhos, principalmente se eles não ficam bem no final.
    Vivi
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
  23. QUE MALDADE! Tadinho do filhote. Se bichinhos morrem, não quero saber! Haha. Morre os humanos, mas eles não kkk

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?
    Eu sou completamente apaixonada por essa capa, pois sou doida por cachorrors e esse é maravilhoso *o*
    Mas além disso o livro possui uma premissa incrível e pela sua resenha vale muito a pena conhecer, com toda certeza é uma história que iria conquistar o meu coração, pois sou uma amante de cachorros.

    Beijos :*
    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Oii!

    Eu também sou super sensivel em relação a cachorros sabe? Queria muito ler ele, mas eu sei que vou ficar de ressaca muito forte em relação a ele ><
    Sua resenha está linda!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  26. Kétrin, eu não sou de ler livros que tem animais com personagens tão ativos, mas esse mexeu comigo.
    COMO ASSIM O PAI DELE MATOU O SOLDIER???
    Apenas revoltada. Não sei o que faria se matassem meu cachorro ou tentassem.
    Estou meio dividida se leria ou não esse livro.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  27. Aí meu Deus Kétrin!
    Já estou emocionado só de ler sua resenha, amo cachorros e tenho 3, até participo de ONG. Quero ler esse livro mas estou com medo pq sei que vou me emocionar muito, depois que li Marley & Eu prometi não ler nada com animais, mas sua resenha me convenceu.

    Coração Leitor
    Ps.: Amei seu blog *---*

    ResponderExcluir
  28. Olá, eu postei a resenha semana passada e realmente eu amei o livro, é emocionante, sou suspeita para falar já que amo cães. Muito recomendado mesmo!
    Bjs
    http://meuvicioemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Eu n odeio cachorros,sabe? haha, mas n sou nem um pouco fã de livros ou filmes com esse tema, sério, eu n curto, não consigo gostar :/
    www.guildadosleitores.com

    ResponderExcluir
  30. Ai gente, parece ser lindo, eu não consigo ler porque sofri muito com uma morte sofrida da minha gatinha e não consigo nem ler livros assim e nem assistir filmes, mas parece ser muito lindo mesmo

    ResponderExcluir
  31. Não sabe como eu adoro saber quando a leitura é bem fluída. A lista de leituras está tão grande que é um saco pegar aqueles livros cansativos que te tomam tempo. rsrs
    Quero muito ler essa obra, a trama me atraiu, e sua resenha só me ajudou mais ainda na vontade.
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  32. Oi, tudo bem?
    Por ser emocionante envolvendo um cachorro eu não leria não viu?!
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
  33. Oi,
    Recebi esse livro e estou com expectativas referente a leitura, assim como você sou sensível quando se trata de histórias com cachorro, outro ponto é o tempo que se passa a história, sempre que encontro livros que se passa na 1ª Guerra Mundial tem um pontinho de curiosidade a mais.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  34. Eu estava conversando com a Sil sobre esse livro, ela disse que não estava muito feliz com ele kkkkk, acho que é pelo fato de ser o primeiro livro que envolva guerra que ela lê, mas notei que você gostou muito do livro e eu como estou me tornando uma admiradora de tudo que inclua a guerra, e mesmo essa sendo sobre a primeira guerra fiquei curiosa, mas eu gosto mais da 2° guerra.
    Também sou emotiva e história que envolva cachorros realmente me atrai.
    Amei a resenha

    ResponderExcluir
  35. oi ^^ eu sinceramente não consigo me sentir atraída por esse tipo de leitura. sei lá, livros com bichos não são meu estilo apesar de ler resenhas bem positivas.
    se eu gostasse desse tipo de leitura choraria horrores pq sou emotiva xp
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  36. Já senti vontade de chorar com sua resenha. Kétrin eu amo animais, mas não suporto ler sobre sofrimento. Sou do tipo que se o cachorro morre não leio, por isso fujo de livros que tenham animais.
    Amei sua resenha!
    Beeijos
    http://myqueenside.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. Oi.
    Eu infelizmente não consigo gostar de nenhum dos temas desse livro, me desculpe :(
    Não gosto de livros que tratam de guerras, mexe muito comigo, e cachorros é ao contrário, acho meio forçado isso de ele não aguentar a crueldade e fugir de casa em plena guerra.
    Mas sua resenha está ótima. ^^

    ResponderExcluir
  38. A Pamela dona do blog do qual sou colunista, esta com esse livro para me entregar e eu estou curiosa, sou amante de animais, trabalho em clinica veterinaria, sou tosadora então pensa o amor...Sua resenha já me deixou emocionada, quero nem ver quando ler o livro :D
    http://odiariodoleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  39. Oie, tudo bom?
    Esse foi um livro que não solicitei e me arrependi porque a história tem vários elementos que eu gosto. A ambientação no período de guerra e todo o drama da história me atraem muito. Um livro que espero ler um dia.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  40. Oi Ket, tudo bem?
    O livro parece realmente ser bom, mas eu estou bem apreensivo quanto a leitura. Tenho medo que algo não me agrade ou que fique com uma baita ressaca literária por isso não comecei a ler ainda.

    ResponderExcluir
  41. Caraca você acabou de aumentar as minhas expectativas, estou com este livro aqui em casa e em breve vou lê-lo.
    Parabéns por sua resenha instigante.

    Abraço,
    Diego de França
    www.leitorsagaz.com.br

    ResponderExcluir
  42. Kétrin, flor! eu quero ler muito esse livro agora, deu para sentir o quanto essa historia é emocionante mesmo. Eu tenho certeza que irei me emocionar com a historia sou até suspeita para falar já que amo cachorros e sou uma manteiga derretida. Adorei a resenha! ;)

    Bjokas!

    ResponderExcluir
  43. Oi Kétrin, que linda sua resenha!! =)
    Assim como você, também adoro cachorros, e por esse motivo não quis ler Soldier. Na premissa falava que o pai do Stanley afogava o cachorrinho e eu já fiquei triste e nem me arrisquei na leitura. Acho que deixei de ler uma boa história. Vou colocá-los na lista e ler o mais breve possível.
    Bjos

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  44. Eu já me apaixonei pelo livro só de ler essa resenha, também não tem como não se apaixonar! Eu sou apaixonada por cachorros e tenho certeza que esse livro vai mexer muito comigo!

    bolichodaguria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  45. Olá Kétrin
    Sua resenha está linda, mas de fato esse livro não me interessa. Tenho um problema com histórias que envolvem os animais, por isso mesmo ela sendo linda como disse, prefiro passar a leitura.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  46. Oie!
    Vi algumas resenhas sobre esse livro. Porém tenho receio com ele, pois tenho medo do cachorro morrer.. kk não lido bem com morte de animais!
    Beijos!

    ResponderExcluir