Resenha: Primeiro e Único, de Emily Giffin

18 agosto 2015

Primeiro e Único  |  Emily Giffin  |  446 Páginas  |  Editora Novo Conceito
 
 * Livro cedido em parceria com a editora para resenha.

Shea Rigsby é uma jornalista de 33 anos, ela sempre viveu acomodada em sua cidade natal no Texas. Shea sempre teve como paixão o futebol americano, ela estava sempre pesquisando sobre os jogos, acompanhando e tentando entender cada jogada e cada jogador, até que ela se tornou uma jornalista esportiva. 

A família de Shea sempre foi conturbada, pais divorciados entre uma situação complicada, por isso ela nunca teve o apoio e o carinho de sua própria família. Ela viveu a maior parte da sua infância com a família de Lucy, sua melhor amiga. Desde a infância Shea tem uma forte admiração e respeito por Clive Carr, pai de Lucy e treinador do time de futebol americano da univeridade de Walker, por causa do futebol os dois sempre foram muito próximos, e a amizade foi crescendo ao longo dos anos. Até que aconteceu uma tragédia na vida de todos, a Sra. Carr, mãe de Lucy acaba falecendo e trazendo uma tristeza para toda a família, inclusive para Shea que tinha um grande carinho pela mulher que praticamente a criou.

Shea estava pensando muito na sua vida e estava achando que tinha muita coisa errada, ela não estava feliz em seu namoro e precisava buscar o emprego dos seus sonhos. Até que ela reencontra um antigo amigo de faculdade que atualmente é um grande quarterback, Ryan James, e os dois começam a ter um relacionamento. Por indicação do treinador Clive Carr, Shea conseguiu um emprego significativo em um grande jornal esportivo. Até aí era para estar tudo certo, mas com o decorrer do tempo, Shea percebe que não é isso que ela quer para a vida dela, que continua tendo muita coisa errada. Logo que ela descobre o que está faltando, e ela percebe que essa decisão que está prestes a tomar pode influenciar a vida de muitas pessoas que ela ama.

Primeiro e Único é um livro ótimo, eu estava mergulhando na leitura já cheia de expectativas, pois já li uma obra da Emily Giffin e já havia me apaixonado pela escrita da autora, e com esse livro não foi diferente. A escrita dela é extremamente leve e fluida, em nenhum momento fiquei cansada, bem ao contrário, fiquei desejando mais e mais e já estava louca para saber qual seria o final.

O livro vai tratar de assuntos um tanto sérios quanto a morte causada pelo câncer, perdas em uma família, relacionamentos complicados, companheirismo e principalmente sobre a força de vontade. É totalmente compreensível que muitos acontecimentos só houveram diante da morte da esposa de Clive Carr, e com o final do livro pude perceber que o culpado de todas as emoções é o amor, é ele o responsável de fazer as pessoas cometerem loucuras e mudar completamente o rumo de suas vidas.

A principal mensagem que o livro nos trás, é mostrar o quanto é importante correr atrás de seus sonhos e de seus sentimentos, e mesmo que muita coisa esteja em jogo, o final pode valer a pena. E para saber o final, é preciso no mínimo tentar.


34 comentários

  1. meu deus eu estou loca pra ler esse liro ontem mesmo já estava pesquisando pra comprar agora que li o q vc escreveu fiquei com mas vontade ainda

    ResponderExcluir
  2. Oi Kétrin!

    Acho que esta é a primeira resenha positiva que leio desse livro. Eu mesma DETESTEI a leitura, só não abandonei porque é livro de parceria, então já viu... Mas meu Deus, apesar da mensagem eu não estava aguentando mais tantos dados técnicos sobre o futebol americano. Tudo gira em torno dele e eu não estava com paciência. Além do mais, achei a personagem muito volúvel, todo mundo "mandava" nela, dava opinião, argh. Enfim, que bom que alguém gostou!

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com/

    ResponderExcluir
  3. tô com esse livro aqui pra ler, e só protelando a leitura... mas terei que ler ainda esse mês rsrssr
    Bem, a capa não me animou muito, a premissa até me soou interessante, mas fiquei meio com trauma da autora porque pus muita expectativa com um livro dela e me frustrei um pouco... enfim... espero gostar...

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Eu adoro a escrita da Emilly, já li os livros dela e sempre me apaixono mais e mais pela forma simples que ela descreve cada momentos dos personagens. Esse livro está na minha listinha de desejados, mas é provável que eu só leia no próximo ano =(
    Adorei o blog!

    Beijos,
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  5. Só li um livro da Emily Griffin até hoje (e juro que não lembro o nome agora) e até gostei bastante. O problema foi o final, eu realmente queria ter visto o casal junto e não rolou. sabe? Tenho esse medo em todos os livros dela, nunca mais li nenhum HAHAHAH

    ResponderExcluir
  6. O enredo em si não me prendeu, nem a capa, nada. Não é muito meu tipo de livro e eu provavelmente não leria.

    ResponderExcluir
  7. Estou louca para ler esse livro,
    ótima resenha.
    Beijos!
    www.lindaestante.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olha, recebi esse livro, mas não consegui continuar com a leitura, não fiquei animada e achei muito chato, outra pessoa do blog fará a resenha, pois me pareceu bem cansativo.

    ResponderExcluir
  9. Kétrin, tudo bem? Reconheço a importância da mensagem que o livro traz, mas não me interessei por ele apesar da sua resenha.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Essa é a segunda resenha positiva que leio desse livro. Já li mais de dez negativas e isso me desanimou com a leitura.
    Acho que a temática desse livro não me agradaria, mas ainda quero ler algo da autora, só acho que não vou começar por esse.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oi, Kétrin!
    Amei a mensagem final que o livro deixou. Na verdade eu o li em um ótimo momento, porque ele basicamente serviu para me incentivar a continuar um sonho que deixei parado há algum tempo. Ótima resenha!
    Com carinho,
    Celly.

    Me Livrando || Livre-se você também!

    ResponderExcluir
  12. Amiga eu ainda não fiz a leitura desse livro, mas espero poder fazer assim que tiver um pouco de tempo e liberar um pouco das parcerias, porque sinceramente não sei nem o que esperar desse livro. Eu achei lindo você dizer sobre a mensagem que o livro nos passa. Espero ler assim que puder.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/08/resenha-de-volta-para-casa.html

    ResponderExcluir
  13. Amiga isso vc n posta
    é um aviso só...ahahahah

    Sabe aquele livro da PANDORGA que vc pediu?
    A mulher entrou em contato comigo hoje -.-
    Vai mandar o seu livro ainda. Olha que demora desnecessária menina

    ResponderExcluir
  14. Kétrin, nunca li nada Da Emily Griffin, mas pelo que você disse a história é muito emocionante.
    E quero muito saber mais da mensagem que ele deixa.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  15. Minha colunista leu o livro e odiou.
    Depois do feedback dela eu não o leria, pois sei que
    nosso gosto é bem parecido e eu tbm não ia gostar.
    Beijios

    ResponderExcluir
  16. Oi Kétrin tudo bem? Ainda não conhecia o livro, mas gostei bastante da história. Gosto muito de livros que nos trazem lições no final. Títulos que nos faz pensar em nossas vidas, e em como estamos caminhando. Sua resenha ficou ótima. Beijos, Érika

    ~www.queroseralice.com.br~

    ResponderExcluir
  17. Olá,

    Nunca li os livros da minha chará Emily Giffin mas estou doida para ler.

    Abraços,
    Ludy
    http://nodivacomaspalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Gostei muito dessa temática do livro, e a capa também me encantou muito. Deve ser muito intenso o livro por tratar de perda pro cancer, mas a mensagem de correr atras dos seus sonhos deve compensar muito a leitura

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oie
    Eu adorei os temas abordados no livro, amo essa coisa mais dramática e reflexiva.
    Sua resenha foi a mais linda que li desse livro e fiquei tentada a ler o livro, nunca li nada da Emily Giffin e talvez esse seja um ótimo começo;

    ResponderExcluir
  20. Olá
    achei bem legal a premissa desse livro, e a Novo Conceito esta de parabém, adorie essa capa e a diagramação ficou bem caprichada
    Bjks
    Passa Lá - http://ospapa-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi Ketrin!
    Eu quero muito ler esse livro, estou mega atrasada nas leituras da NC, mas espero terminar logo Nunca li nada da Emily e assim você me deixa cheia de expectativas hahaha Espero não chorar (MUITO) com o livro, mas já vi que vai rolar umas lágrimas!!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  22. Ola, tudo bem? Sempre tive vontade de ler algum livro da Emily Griffin, mas ainda não tinha lido nenhuma resenha dela. Vou começar com este :)
    Gostei muito da resenha!
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    ResponderExcluir
  23. Oii, já tinha visto apenas a capa desse livro e nunca tinha lido nada sobre ele e por essa capa não imaginaria essa historia trágica.Gostei bastante da resenha :D

    Abraços!!
    http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?
    Apesar do livro passar uma mensagem bacana, não é o estilo que eu goste de ler....
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
  25. Sempre quis ler algo da Emily, mas se eu ler esse livro, com certeza irei odiar a escritora. Eu não gostei muito do enredo que o livro traz, fora que li algumas resenhas que me desanimaram bastante. Irei começar minha leitura com a Emily em outra obra, essa não.

    ResponderExcluir
  26. Não gostei muito da história do livro, mas acho que daria uma chance. Talvez minhas expectativas sejam superadas, hih. De vez em quando, gosto de sair da total fantasia e ler algo que passe uma mensagem ao leitor. E, para ser sincera, fiquei curiosa por saber que decisão a personagem deverá fazer, haha.

    Beijos,
    Fernanda Goulart,
    Império Imaginário.

    ResponderExcluir
  27. Oie, eu ja li o livro e realmente apesar de não curtir tanto eu gostei da mensagem que o livro passou ^^
    adorei a tua resenha :)
    www.guildadosleitores.com

    ResponderExcluir
  28. Eu quero muito ler este livro, eu o o tenho e vontade não me alta para iniciar a leitura! Bom, já quero muito ler este e sua opinião só me deixou mais curioso! :)

    Abraços e até!

    http://lendoferozmente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Por sua resenha podemos ver bem claramente que o livro possui uma grande carga emocional, com está questão de câncer, família, relacionamentos confusos e etc.
    Mas mesmo vendo um enredo bem composto confesso que não faz meu gênero, quem vai ler esse livro é a minha esposa.

    Abraço,
    Diego de França
    www.leitorsagaz.com.br

    ResponderExcluir
  30. Oie, tudo bom?
    Eu tive uma percepção totalmente diferente desse livro. Ao contrário de você, achei a narrativa arrastada e muito chata. A protagonista então, eu quase não consegui aguentar de tanto mimimi. Eu sou uma super fã da Emily Giffin, mas para mim esse foi o pior livro dela.
    beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Eu adoro os livros da Emily, mas não conhecia esse. Fiquei curiosa com o desfecho e a relação dela com o Ryan. Não sei se vou ler agora devido a carga dramático, mas com certeza vai para lista.

    www.itgeekgirls.com

    ResponderExcluir
  32. Olá!

    Gosto muito da escrita de Emily também e não conhecia este livro ainda. Geralmente são assuntos que tocam a gente e pelo jeito este não é diferente. Pretendo ler!!!

    www.escrevarte.com.br

    ResponderExcluir
  33. Oi, Kétrin! Este é sem dúvidas um livro com uma bela mensagem. Embora eu não me interesse pelo gênero, posso dá-lo de presente para alguns amigos, perfeitamente.
    Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  34. Nossa!! Com certeza deve ser um livro maravilhoso, já estou louca para lê-lo!!!
    Amei a sua resenha, e seu blog!!!
    Beijoos
    http://livrosemarshmallows.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir