Resenha: Perdão, Leonard Peacock, de Matthew Quick

15 março 2015


Perdão, Leonard Peacock  Mattew Quick  |  224 Páginas  |  Intrínseca

Leonard Peacock é um garoto deprimido, estranho e reservado. Ele sente que é diferente dos demais alunos da sua escola, a única pessoa que ele gosta é de seu professor Herr Silverman. No dia do seu aniversário de dezoito anos, ele decide que vai matar seu ex-melhor amigo e depois, se matar. Ele vai utilizar uma P-38, uma arma nazista de seu avô.

Mas antes de partir para o seu destino, ele vai presentear quatro pessoas: A primeira pessoa é seu vizinho Walt, que é um velhinho super fã dos filmes de Humphrey Bogart, ele apresentou para Leonard essa paixão por esses filmes antigos, e juntos, passam horas e noites assistindo. A segunda pessoa é Baback, estuda na mesma escola que Leonard e toca violino. A Terceira pessoa é Lauren, uma garota da mesma idade de Peacock que está sempre entregando panfletos sobre Deus e tentando livrar as pessoas do inferno. E a quarta e última pessoa é seu professor Herr Silverman, que atualmente está dando aulas sobre o Holocausto.

Conforme vai passando o encontro de Leonard com essas pessoas, nós vamos descobrindo seus segredos, seus medos, os dias turbulentos em que ele passou. E nos é revelado o motivo para o qual Leonard quer matar seu ex-melhor amigo, Asher Beal.

Esse foi o primeiro romance que li de Matthew Quick, e tenho certeza que foi uma ótima escolha. Senti uma enorme compaixão pelo personagem principal, pois ele não é um assassino e suicida, ele apenas está triste. Ele se sente deslocado, seu único amigo é seu vizinho que já está velho e é como um pai para ele, já que seu verdadeiro pai sumiu do mapa, e sua mãe é uma fanática por moda que mora em outra cidade junto com seu ex-chefe (que agora é novo namorado) e não da atenção ao seu filho. Leonard apenas está carente e frágil, conforme a história é contada, percebemos que tudo o que ele precisa é se sentir amado e importante para alguém, tanto é que, ele fala diversas vezes que se alguém desejasse feliz aniversário a ele, ele iria desistir do seu plano. O que partiu meu coração.

Quando descobri qual era o segredo pelo qual levou Leonard a querer matar seu ex-melhor amigo e depois se matar, fiquei chocada. É algo muito perturbador, capaz de fazer Peacock perder o encanto pela vida e querer deixar de viver.

A escrita de Mathew Quick não deixa a desejar, está perfeita e impecável. Adorei as notas de rodapé que tem em algumas páginas, algumas até pode ocupar quase uma folha inteira. Nelas Leonard faz comentários irônicos e sarcásticos, que nos faz entender determinados assuntos da vida dele.

Confesso que foi muito difícil largar o livro até eu entender o desfecho, fui pega de surpresa em diversos momentos. Apesar que não gostei muito do final, ele ficou meio vazio, apesar que deu um encaixe perfeito para a obra, ficou bem realista. Super recomendo, vale muito a pena a leitura, é ótimo para quem procura uma leitura intrigante e misteriosa, mas nem um pouco leve. 

22 comentários

  1. Olá!
    Sempre quis ler esse livro, mas ele acabou ficando de lado com tantos lançamentos literários, que pena que o final não foi como o esperado, tbm fico meio triste com isso. As vezes o livro tem um super potencial e o autor não consegue fazer um desfecho digno :/
    Beijos, Tabatha
    http://aproveiteolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. "Que estranha premissa para um livro!": foi o que pensei lendo o primeiro paragrafo de tua resenha! E depois que li o texto inteiro me peguei desejando ler o livro... não sei, o Mathew Quick tem uma história triste, mas eu ando meio triste, quem sabe nos consolamos de nossas tristezas em meio a leitura?!?!?

    Pandora
    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Criei um pouco de resistência aos livros do Quick depois de ler O lado bom da vida, que muita gente falou bem e é um livro bem medíocre e com personagens nada cativantes. No entanto, algumas pessoas comentam que este é bem melhor e confesso que sua resenha me deixou um tanto curiosa para saber que segredo é esse que acabou com a vontade de viver do protagonista.

    Beijos
    Espero sua visita =)
    http://numrelicario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ahh!!! Quero muito ler esse livro, me falaram que ia ter filme RSrs Espero que tenha :)
    bJS
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Já ouvi falar muito bem do autor e pelo que você falou na resenha o livro parece ser muito bom.
    Quero muito ler o livro e descobrir o segredo do Leonard.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Esse livro me comoveu muito. Eu chorei enquanto sabia mais sobre a vida do Leonard e tudo que eu queria era poder abraça-lo e dizer que tudo iria ficar bem. Um dos melhores livros que li, pela estória, pela escrita do autor, cheia de sentimentos. Adorei sua resenha, foi muito clara e sem contar spoilers. Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oláa,
    Quero muito ler esse livro. Já li um livro do Matthew e não me arrependo, achei muito bom, então acho que irei gostar bastante. Além de ser um dos gêneros que eu mais gosto. Acho que vai ser uma leitura bem cativante.
    Beijos,

    http://our-constellations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oiee
    Pela sua resenha, que alias está muito bem escrita, dá para perceber que o livro é intenso.
    Adorei, vou anotar com meta de leitura

    Beijos

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Kétrin!
    Esse livro nunca tinha me chamado a atenção, até agora.
    Gostei da sua resenha e fiquei bem curiosa para descobrir os motivos do protagonista. Gosto de livros intensos assim!
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  10. Amiga que história em ??
    Eu sinceramente gostei de tudo que você contou sobre a história.
    Achei que você desenvolveu bem sua resenha, mas sinceramente eu acho que não seria um livro que pegaria no momento para ler, porque não estou pra muita matança ultimamente hahahaah, mas mesmo assim tenho que dar os parabéns, pois você vem caprichando e eu tenho gostado muito de tudo que você vem resenhando. Espero que continue assim e sucesso sempre aqui em seu cantinho viu? Beijinhos amiga

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/03/resenha-as-escolhas-de-nana.html

    ResponderExcluir
  11. Oi Kétrin!
    Que resenha gostosa de se ler!
    Todo mundo fala super bem desse livro, e é muito estranho que eu venha a dizer não ter curiosidade pelo livro.
    Sua resenha ainda me deu vontade de conhecer mais sobre a história, mas ainda sim não fez o livro parecer tão atrativo para mim!

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Kétrin ainda não li nada do autor, mas vi a adaptação de O Lado Bom da Vida, com certeza os livros do mesmo entrarão para minha lista em breve!

    Beijos, Joi Cardoso
    www.estantediagonal.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi Kétrin!
    Esse também foi o primeiro livro que eu li do Matthew Quick e gostei muito (a ponto de topar ler qualquer coisa do autor, sem nem ler sinopse). Eu também senti essa conexão com o personagem, mas ao contrário de você, gostei do final. Acho que um final aberto é perfeito para um livro como esse.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Eu li um livro do autor até agora e adorei a escrita dele. Ainda não tinha lido uma resenha dese livro e super me interessei. Gosto de livros que são assim diferentes. Porque parece que os livros ultimamente são todos iguais. Dá para lançarem alguma coisa e só lançam aquilo hehe. Parabéns pela resenha. Me convenceu.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  15. Oi ketrin =)
    Eu já queria ler esse livro antes e agora, com a sua resenha fantástica, fiquei morrendo pra saber o segredo de Leonard!
    Argh, odeio ficar curiosa, tô aqui quase te mandando msg pra perguntar qual é!! TÕ muito CURIOSA AHHH!!
    Adorei sua resenha e quero ler esse livro o quanto antes!
    Beijos

    http://lumartinho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi, Kétrin! Tudo bem? "Perdão, Leonard Peacok" foi um livro que me marcou muito! Sem dúvidas, foi um dos melhores livros que li em 2014. Me apeguei muito ao Leonard e fiquei muito triste por ele e torci fervorosamente por seu final feliz! Apesar do final do livro ser vago, eu gostei dele! Achei que combinou com a obra. Parabéns pela resenha! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá,
    Não sei bem o motivo, mas não me interesso muito pelos livros desse autor, esse mesmo nunca despertou minha curiosidade...
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Já tinha visto esse livro, mas nunca tinha lido nenhuma resenha e não sabia do que se tratava. Gostei bastante! Curto muito livros que tem esse toque psicológico e a escrita do Mathew me agrada.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  19. Olá!!!

    Eu já tinha visto algumas resenhas sobre a obra e não tinha prestado atenção no livro, mas nossa gente que coisa triste, fiquei com o coração partido em saber sobre o personagem principal só pela sua resenha.
    Quero saber quais são os motivos dele e como a história se desfecha sabe?
    Uma pena que o final não é tão bom assim, mas mesmo assim fiquei com vontade de ler e entender o que acontece!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  20. Olá!!!

    Eu já tinha visto algumas resenhas sobre a obra e não tinha prestado atenção no livro, mas nossa gente que coisa triste, fiquei com o coração partido em saber sobre o personagem principal só pela sua resenha.
    Quero saber quais são os motivos dele e como a história se desfecha sabe?
    Uma pena que o final não é tão bom assim, mas mesmo assim fiquei com vontade de ler e entender o que acontece!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  21. AHH NÃO, ME CONTA O QUE QUE O AMIGO FEZ!! DDD: Maldade deixar os seus queridos blogueiros eufóricos assim. Sério, eu nunca me interessei muito por esse livro, pela capa então eu passava longe, mas a sua resenha me convenceu totalmente do contrário. Não sei, parece uma história não exatamente pesada no sentido do conteúdo, mas pesada em sentimentos, algo que mexe fundo com a gente. Tô adicionando nos desejados já!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br
    Tem resenha nova no blog de "Seis anos depois", vem conferir!

    ResponderExcluir