Resenha: A garota que tinha medo, de Breno Melo

17 março 2015


A garota que tinha medo  Breno Melo  |  277 Páginas  |  Chiado Editora

*Livro cedido em parceria com a editora para resenha.

Marina é uma adolescente de dezoito anos que mora em Assunção, no Paraguai. Ela tem uma vida que podemos dizer de "normal", ela vive com seus pais e seu irmão, se sente pressionada pela sua mãe para entrar em uma boa faculdade, tem amigos, um namorado, e passa a maior parte do seu tempo estudando. Marina passou na faculdade que ela realmente queria e agora está cursando Jornalismo.

Sua vida começa a virar de pernas pro ar quando ela começa a ter crises, que no começo ela não compreendia. Ela tinha dificuldades em respirar, em falar, não conseguia reconhecer o ambiente que estava, era como se ela não habitasse seu próprio corpo, ela apenas conseguia gritar. No começo, sem uma ajuda médica que lhe diagnosticasse, ela se via perdida e sozinha, seus amigos estavam se afastando com a desculpa que ela estava ficando louca, ela perdeu o namorado que não entendia sua doença, e sua família dizendo que ela estava de frescuras.

Logo quando Marina descobre que ela tem a síndrome do pânico, ela tem medo de sair na rua e ter uma crise, tem medo de ir a igreja e ter outra crise, ela até parou de ir a faculdade por um tempo e passava todo seu tempo em casa (mas nunca sozinha). Até que ela aceitou ajuda médica e psicológica.

A garota que tinha medo é um livro recheado de momentos sensíveis, onde o leitor acompanha a protagonista bem de perto e consegue vivenciar junto com ela todos esses momentos de dificuldades, sentindo e querendo ajudar de alguma forma.

Devo comentar que adorei o modo como o autor colocou a religião na vida da Marina, desde sempre ela comparecia a missa junto de sua mãe, a religião era bem presente em toda sua família. E por acaso, ela teve um ataque de pânico dentro da igreja e depois disso ela não conseguia mais aparecer no lugar. Depois de muito tratamento que ela conseguiu retornar.

O autor está de parabéns, com essa obra eu pude conhecer mais de perto o que é a síndrome do pânico, pois é tudo muito realista. A protagonista descreve em minuciosos detalhes sobre sua vivência com a síndrome e seu dia a dia. Além de ótimas referências onde parece que o leitor está conversando com um médico! Realmente incrível.

Apesar de ter um tema mais delicado, a leitura flui rápida e fácil. É um livro muito envolvente onde nos faz rever o valor da vida e da família. Ele nos faz abrir os olhos para esse mundo que parece tão distante, mas na verdade, está mais presente do que imaginamos.

13 comentários

  1. adorei o tema do livro, muitas jovens sofrem com o medo e como vc disse, apontam os valores e isso é muito bom! gostei da resenha embora nao tenha lido o livro ainda!

    http://www.jacknuit.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Também pensei nisso: a narrativa é bem fluida e dá para ler super rápido.
    Gostei bastante desse livro e me surpreendi.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista. São 3 ganhadores e você escolhe o livro que deseja ganhar.

    ResponderExcluir
  3. Olá, li esse livro recentemente e foi uma leitura muito proveitosa, gostei da resenha.

    Participe do sorteio de aniversário do blog: petalasdeliberdade.blogspot.com .

    ResponderExcluir
  4. Oi, Kétrin! Esse livro parece ser bastante interessante, é o primeiro que eu vejo abordar esse tema, mas não sei se o leria por agora, ele não me chama tanto a atenção. Beijos!

    http://frases-perdidas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá Kétrin,
    Já ouvi bastante sobre a "Síndrome do Pânico" e um livro com este tema parece ser algo bem interessante; não é um tema ainda que tem toda a atenção que requere do público. Boa resenha!

    Beijos,
    Miss Sorrisos Blog


    ResponderExcluir
  6. É a segunda resenha que vejo desse livro em menos de uma semana e parece que ele é realmente muito legal! ´Principalmente por ter uma resenha diferente. Adorei sua resenha!


    Beijos,
    www.carolespilotro.com

    ResponderExcluir
  7. Gostei muito do livro e esse tipo de história me chama bastante atenção, parabéns pela sua resenha, espero logo ver mais livros desse pela frente ;)
    Abraços!!

    http://www.pedrosanttos.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi Ketrin,
    Adorei a resenha, o título do livro e bem chamativo, assim da aquela vontade de ler... A resenha ta otima, completa, você não deixou faltar nada... *--*
    Beijos,
    World Of Books| Espero sua visita :)

    ResponderExcluir
  9. Oi, Kétrin! Tudo bem? Nossa, achei a premissa do livro tão interessante! Só de ler sua resenha fiquei sensibilizado com o drama da Marina, quero conhecer essa personagem de perto e torcer junto com a personagem para que ela tenha um final feliz! Adorei o livro e a resenha! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Ketrin!
    Que livro diferente! Deve ser muito dificil abordar a sindrome do pânico em um livro e ainda fazer um bom trabalho adicionando a religião.
    Não sei se leria, mas gostei muito da sua resenha, bem simples que nos dá uma ótima ideia sobre o livro.
    Beijos

    LuMartinho

    ResponderExcluir
  11. Amiga eu sinceramente tenho que confessar que gostei bastante de sua resenha, até porque achei que o livro é uma boa pedida para quem sofre ou passa pelo o mesmo problema. Mas eu não sei se o pegaria para ler, porque não é muito meu gênero de leitura, mas mesmo assim gostei de tudo que colocou sobre ele e espero ter a oportunidade de ler um dia =]

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/03/resenha-spirit-animals-cacada.html

    ResponderExcluir
  12. Oi Kétrin! Tudo bem?

    Não sabia que o livro tratava da síndrome do pânico e agora estou curioso! Sempre tive interesse em coisas voltadas ao psicológico e este livro promete! Já tá na listinha :3

    Ah, valeu pelo spoiler ao dizer que depois de muito tratamento ela voltava pra igreja, chega desanimei aqui </3

    Bjs!

    http://leiturasilenciosaoficial.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Já tinha visto esse livro em outro blog e me interessado muito por ele. Além da capa ser linda, o tema abordado é muito interessante. Nunca li nada sobre Síndrome do panico e tenho interesse em conhecer mais sobre o assunto.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir